Veco Noticias Sapezal

Dois garimpeiros são encontrados mortos em garimpo ilegal dentro de terra indígena em MT

Suspeita é de que os garimpeiros tenham sofrido acidente no local e morreram. Garimpo ilegal foi alvo de operação da Polícia Federal por duas vezes. Garimpo ilegal de ouro em terra indígena foi alvo de duas operações em 2020 e 2021

Polícia Federal

Dois garimpeiros foram encontrados mortos em um garimpo ilegal dentro da Terra Indígena Sararé, em Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá. Os corpos foram encontrados na sexta-feira (2) e o caso é investigado pela Polícia Civil.

A principal suspeita é de que os garimpeiros tenham sofrido acidente no local e morreram.

De acordo com a Polícia Civil, os garimpeiros foram identificados como Antônio Pereira da Silva, de 56 anos, e Paulo Roberto Alves Teixeira, de 35 anos.

Os corpos estavam às margens da ponte do Rio Sararé, a 45 km da cidade

Segundo a polícia, foi possível confirmar a evidente movimentação de pessoas no garimpo. Nenhuma pessoa ou testemunha foi encontrada no local.

A Delegacia de Pontes e Lacerda investiga o caso.

Uma perícia nos corpos deve apontar a causa da morte dos garimpeiros.

Garimpo foi alvo de operação duas vezes

Em março deste ano a Polícia Federal realizou a segunda fase da Operação Alfeu para desocupar o garimpo ilegal de ouro no interior da Terra Indígena Sararé.

A desocupação foi determinada Justiça de Cáceres e foi feita por 50 policiais federais e 110 militares do Exército Brasileiro.

Em maio do ano passado, a Polícia Federal realizou a primeira fase da Operação Alfeu no mesmo local. Após a retirada das forças policiais, os garimpeiros invadiram novamente a área.

Rolar para cima